Voltaire ajuda

Voltaire ajuda

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

13 de janeiro de 2016

Bob Geldof curtil uma publicação minha no FaceBook.

Citaram Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente do Brasil e também conhecido como "Príncipe da Sorbonne", em um caso bizonho durante investigação da Polícia Federal. Coisa feia mesmo. Agora citam o Lula, também ex-presidente, mas num contexto diferente, mas também bizonho.
A impressão é mesmo que estamos sem saída. 

Protesto contra o aumento de passagem do transporte público em São Paulo, capital do estado mesmo nome e uma das principais cidades da América Latina. O protesto foi grande e como foi no meio do dia e em plena semana, causou um bom congestionamento. Houve violência e chamou a atenção a agressividade da polícia militar de São Paulo. Especificamente o "recorde" de bombas de efeitos moral, gás lacrimogênio e tal. Parece até que houve carro blindado importado de Israel! Israel, uau! Houve muitos manifestantes feridos gravemente e até jornalistas foram atingidos. 
Nessas horas é atraente para mim acompanhar os formadores de opinião da grande imprensa: a ambiguidade repulsiva deles, entre defender o direito do povo de clamar por melhores condições de vida e aquela vontade louca de pedir para que as pessoas pobres fiquem caladas e obedientes. Os corações deles pedem: "manifestações domingo de manhã, antes do almoço especial em família com CocaCola, por favor! Por favor!"
Que coisa tosca para o jornalismo, que precisa tanto de liberdade e criatividade! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, tudo jóia?
Escreva um comentário e participe.