Voltaire ajuda

Voltaire ajuda

domingo, 24 de fevereiro de 2013

EUTANÁSIA E SUICÍDIO



Eutanásia é assassinato. Tirar a alimentação do paciente terminal e esperar ele morrer de fome não é. Distinção interessante.
As pessoas saem da igreja e antes de entrar no carro já esqueceram o que ouviram sobre misericórdia, piedade e responsabilidade.
Assisti ontem (6 de fevereira de 2013. Quando encontrei e coloquei esta imagem em minha página no FaceBoo.) Uma das histórias mais impressionantes que conheci. A coragem desse homem devia servir de modelo, concordando ou não com suas idéias.

PENSAMENTO CONTRA O SUICÍDIO E COMENTÁRIOS MEUS

“Um homem que se mata a si próprio, ou é um louco ou tem um coração tão danado que desconhece os remorsos.” (A. Herculano)
O suicida não pode ser um normal. O suicida deve sentir culpa e remorso por causa do sofrimento que causará em seus parentes, amigos e conhecidos. A. Herculano sabe como se colocar no lugar do outro, hein?

"O suicídio é o mais imoral dos delitos.” (M. Bontempelli).
Parece que Bontempelli quer prender não só quem tenta se suicidar, mas também quem conseguiu se suicidar! Afora o estímulo ao medo. Bontempelli tenta resolver o problema do suicídio por meia da força policial.

“O suicídio é sempre o crime de um fraco.” (De Paulmy)
De Paulmy sofreu muito e resistiu. Adiantou nada pois não consegue ir além da ofensa na hora de estimular as pessoas a serem fortes.

*As citações foram retiradas do verbete “Suicídio” do volume três do DICIONÁRIO DE PENSAMENTOS. Editora Formar Ltda. Eu acho que os livrinhos são de 1971.
Interessante sobre esses livrinhos é a opinião expressa sobre a mulher. Numa hora é romãntica em outra é de um machismo de assustar.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

A ETIQUETA



Quando fui desafiado no Orkut. O primeiro achava q eu era um ET, o outro achava q a Matemática não era humana. Modéstia a parte, eu me saí bem.

A ETIQUETA E O INTRÍNSECO

Olhar para as coisas da natureza e se encantar é compreensível. Olhar para o céu estrelado e julgar tudo aquilo como uma verdadeira obra-prima de algum artista é irresistível.

 Agora...
É preciso admitir que quem classifica uma célula de "complexa", quem diz que o universo é "organizado" e que tudo parece feito "de maneira inteligente" para a criação de vida na terra são... seres humanos. Apenas seres humanos. E todas essas classificações só fazem sentido em um mundo de seres humanos.

A dificuldade dos religiosos é demonstrar que essas classificações são intrínsecas às todas as coisas ou pelo menos mostrar alguma etiqueta onde esta escrito "Made in Deus".

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

O ESPINHO INESPERADO


Foi a mais importante revolução do século XX: o nascimento da nova mulher.
Ela comia em restaurantes públicos!
Elas nadavam em piscinas mistas!
Oh! Oh! Oh! Oh!

Não, elas não eram as suas mães e nem as suas avós. Elas queriam uma outra vida.
Eu escrevi “querer”? Não, o correto é “exigiam”!

As mulheres pobres que trabalhavam na indústria e as mães e filhas da classe média seriam as primeiras a desabrochar e mostrar ao mundo dominado por homens o poder de seus espinhos.

(Obrigado Asa Briggs! Obrigado Abril Cultural!)
LONGA VIOLÊNCIA: A HISTÓRIA DO SÉCULO XX 11:

LÚCIO FLÁVIO PINTO E SUAS LIÇÕES AMAZONIDAS 21:

O dinheiro vai para lá, depois o dinheiro vai para cá.
O dinheiro sobe, o dinheiro desce.
Amigo vira inimigo e depois vira amigo e depois inimigo e depois amigo e depois inimigo...


NIETZSCHE APAIXONADO 33:

Sim + Não + Uma linha + Uma meta = A felicidade.
Você escolhe e sonha. Coragem. A cabeça e o coração nas nuvens.
Não é exatamente uma fórmula que poderíamos dizer assim facilmente “inovadora”, mas o importante é entender que ela é razoável e tremendamente difícil de seguir. 

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

AS FORÇAS ELEMENTARES SE REVOLTAM

                                                          
Foram anos difíceis para a Grã-Brtanha. O período eduardiano (Rei Eduardo VII, que sucedera ao período da Rainha Vitória e que costumam dizer que dura até a eclosão da Primeira Guerra Mundial) assistiu a uma sociedade marcada pela desigualdade social.
A visão lúcida de Charles Masterman e o pioneirismo de Lloyd George (que propôs um corajoso orçamento que se propunha bater de frente ao problema da pobreza e da “inanição”) não foram suficientes. A política não foi suficiente.

Entre 1900 e 1914 foram tantas greves que pareciam mesmo que havia uma guerra interna na sociedade inglesa.
Trabalho versus Capital.
Classe versus Massa. Assim mesmo, tudo escrito com maiúsculas.
As “forças elementares” da sociedade se ergueram.

(Obrigado Asa Briggs e Abril Cultural!)
LONGA VIOLÊNCIA: A HISTÓRIA DO SÉCULO XX 10:

LÚCIO FLÁVIO PINTO E SUAS LIÇÕES AMAZÔNIDAS 20:

Agressões de empresários, de políticos, de policiais... É cada história pior que a outra. Agonia dos diabos! Nem... Assim fica fácil esquecer qual é a vantagem em ser jornalista.


NIETZSCHE APAIXONADO 32:

Eu tenho razão e riem de mim por motivos injustos. Não me importo.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

ENSAIO SOBRE A TRISTEZA BRASILEIRA 5

 
O bandeirante paulista e o seu grande momento.
A influência “semítica” e a importância da “andogamia” e da “seleção” para o novo tipo se revelar forte para cumprir a missão que ele mesmo se propôs.
As palavras são do Paulo da Silva Prado e o espanto é meu.

Antônio Raposo Tavares. Apenas Antônio Raposo Tavares. Alguns nomes não precisam de adjetivos, sejam para negar ou afirmar.

Em outras terras a loucura coletiva passava rápido e logo se transformava em algo sólido e saudável para o país como uma “indústria”. Entende? A economia ficava forte, sustentável. Aqui no Brasil não. A loucura continuou: forte, sangrenta, egoísta e o resto do país e do povo que se danasse.

O Brasil sempre trocou um futuro de ordem e progresso para todos por um presente hedonista para meia dúzia de poderosos.

 
LÚCIO FLÁVIO PINTO E SUAS LIÇÕES AMAZÔNIDAS 19:

Jornalismo é fato.
Quantos adversários do Lúcio Flávio Pinto o criticam com base em fatos, informações? Poucos querem dialogar. Isso pode até envaidecer o Lúcio ao dar-lhe segurança em sua caminhada, mas eu acredito que no fundo ele deve é ficar meio triste mesmo.
Quanta pobreza! Como esse deserto é grande e vazio, entendem?

NIETZSCHE APAIXONADO 31:

Esses e eles.
Os degraus que usei para subir e alcançar o que eu queria. Enquanto isso, de longe, muitos acharam que eu estava apenas dormindo na parte de cima do beliche.

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

ENSAIO SOBRE A TRISTEZA BRASILEIRA 4

 
E demorou Portugal perceber que era melhor começar a povoar o Brasil. Precisou bater a cabeça na parede muito tempo ao procurar o ouro para perceberem que povoando o Brasil essa procura seria muito mais facilitada.

E Paulo da Silva Prado falava em “parasitas sedentários da burocracia metropolitana”. Muito atual, muito Brasil em 2013.

LÚCIO FLÁVIO PINTO E SUAS LIÇÕES AMAZÔNIDAS 18:

Izzy Stone e seu “I. F. Stone Weekly” continuam sendo o que sempre foram: uma estrela-guia para todos os jornalistas em busca da pureza.

 
NIETZSCHE APAIXONADO 30:

Juntinho, juntinho?
Na frente de todos?
Ou ir apenas por vocês mesmo?

Há o objeto de desejo e o desejo como objeto a ser investigado. Fiquem atentos, senhoras e senhores!