Voltaire ajuda

Voltaire ajuda

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

ENSAIO SOBRE A TRISTEZA BRASILEIRA 3

 
Para Paulo da Silva Prado entre os desejos que estiveram na origem do que hoje chamamos de Brasil, o mai importante foi a cobiça.
Mais até do que a luxúria. O desejo de ter ouro e pedras preciosas. Foi uma loucura coletiva. Uma loucura no sentido estritamente acadêmico do termo.

“Quanto mais ao Oriente, mais riqueza”, dizia um ditado da época do descobrimento do Brasil pelos portugueses. E a Gazeta Alemã em 1514 já falava sobre um lugar onde até os soldados tinham armaduras de ouro...

Eldorado no século XVII ou a China no século XXI nos queremos dinheiro para ser feliz. E não há oração ou frase decorada e bonitinha repetida que quebre esse sólido desejo.

LÚCIO FLÁVIO PINTO E SUAS LIÇÕES AMAZÔNIDAS 17:

Um nome, uma lenda: Paulo Maranhão.
Que tipo de jornalista e de pessoa ele era? Tipo, ele era calmo?
-Calmo? Basta dizer que em sua lápide podemos ler: “Aqui, sim, tenho paz”.

 
NIETZSCHE APAIXONADO 29:

Você gosta de uma vitrine?
Você gosta de suar?
Ou você prefere ser ignorante?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, tudo jóia?
Escreva um comentário e participe.